Mídia

Jac Sanchotene tem sua atuação divulgada pelos meios de comunicação do Rio Grande do Sul e de fora do Estado

2022

Casa de Pedra é restaurada e se torna ponto turístico em Garibaldi

Casa Cercato

Quem gosta de um passeio turístico pela Serra Gaúcha poderá incluir no roteiro mais uma opção de lazer. A Casa de Pedra da família Cercato, localizada na cidade de Garibaldi, foi tombada pelo Governo Municipal de Garibaldi em 2018.

Agora restaurada, conta com um projeto enogastronômico para que o lugar se torne, primeiramente, destino para degustação de vinhos e espumantes fabricados pela família. Posteriormente, deve se tornar uma Osteria, com previsão de abertura para 2023.

Erguida em meados dos anos de 1890, em meio a uma paisagem deslumbrante no Vale dos Vinhedos, com plátanos que amarelam no outono e lembram um pedacinho da Europa no Brasil, a Casa de Pedra, de 97 metros quadrados (m²), é um marco histórico que representa o passado dos imigrantes italianos que colonizaram a região.

A habitação foi construída pelo italiano João Batista Cercato, oriundo da comuna de Martellago, na região de Vêneto, avô de Adriana Cercato, funcionária pública aposentada. Junto aos filhos e sobrinhos, ela conseguiu com que a casa fosse tombada e virasse patrimônio do Estado.

Segundo Adriana, esse movimento é o contrário do que geralmente acontece em propriedades da região.

“Fomos atrás do tombamento pelo valor que a casa tem para nossa família e para a história da cidade e do Estado também”, diz a neta de João Batista Cercato. Na casa, cresceram o pai, os tios e os irmãos de Adriana.

“É um sentimento de pertença. As crianças da nossa família, depois que nos mudamos da casa de pedra, continuaram a brincar lá de castelo e de forte apache”, ressalta.

Ao ver a Casa de Pedra totalmente restaurada, Adriana relata um sentimento profundo de felicidade por se tratar de um ponto de encontro tão importante para toda a família e, agora, para quem quiser visitar.

“Eu olho pela janela do meu quarto e percebo que o mundo não é tão grande quanto costumava parecer, mas as memórias são gigantes. Parece uma homenagem para meus pais, tios e avós. É como se eu os mantivesse vivos”, reflete.

Restauração da Casa de Pedra preserva autenticidade da construção

Com um investimento de R$ 652 mil via Lei de Incentivo à Cultura, – LIC do Sistema Pró-Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, a iniciativa contou com o patrocínio de M.A. Silva, Medlive, Madesa e Sul Nativa Transportes. Com captação de recursos de Jac Sanchotene Marketing Cultural e gestão de projeto de Cult Assessoria e Projetos Culturais, a casa está em reparação desde setembro de 2021 e será entregue à população e à família Cercato pelo governo do Estado em 29 de julho. 

O trabalho, desde projeto e obras, foi liderado pelos arquitetos Patrícia Pasini, Lucas Volpatto e Jaqueline Manica, do Hub Arquitetônico. Volpatto explica que a execução preservou autenticidade da construção colonial.

“O principal era tentar interpretar o imóvel e deixar as facetas autênticas, não é original, pois houveram algumas intervenções, como a telha francesa e a ampliação em anexo, onde será uma cantina”, explica o arquiteto.

https://www.jornaldocomercio.com/economia/2022/07/856261-casa-de-pedra-e-restaurada-e-vira-ponto-turistico-em-garibaldi.html

Projeto de Restauração da 2ª Igreja mais antiga do RS mobiliza Rio Pardo e os gaúchos para resgatar a história (áudio e texto:)

Publicado em  por LUIZ MÜLLER

A Captadora Jacqueline Sanchotene mostra em entrevista ao radialista Dorgival, da Rádio Santa Cruz, que algumas empresas que já aderiram, mostra os próximos passos da Captação e do Projeto e como mais empresas e pessoas podem aderir

Ouça a entrevista, leia algumas das matérias publicadas em jornais da Região e também do RS e veja fotos da Igreja em momentos diferentes da história: 

Rio Pardo começou a se formar por volta de 1750. Após a assinatura do Tratado de Madri, estabelecendo que a Colônia de Sacramento pertenceria à Espanha e os Sete Povos das Missões a Portugal, houve necessidade de se proteger os limites das terras que os colonizadores consideravam suas. Um depósito de provisões e um forte para os soldados portugueses foi construído próximo da foz do rio Pardo.

Como em todas as Cidades, também ali, nas origens da Cidade de Rio Pardo esta a Igreja construída entre os anos de 1774 e 1779. 

Agora a Comunidade busca Restaurar os traços originais deste Monumento Histórico com  Projeto que pode ser integralmente financiado por empresas a partir de Incentivos Fiscais.

A mobilização da Comunidade pelo Restauro da Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário do Rio Pardo já esta ganhando o olhar da Mídia Local, Regional e também Estadual, já que esta Igreja é Testemunho até mesmo do nascimento do Estado do Rio Grande do Sul.

2021

DESTAQUE ~ DEIXE UM COMENTÁRIO ~ EDITAR”MARAVILHA DE PROJETO CONTINUA REPERCUTINDO NA MÍDIA!”

Telas de Aldo Locatelli e José Sicart serão restauradas
Início do processo será na próxima terça-feira, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes, na capital gaúcha
 
Óleo sobre tela “A Aparição da Virgem” (1962), de Aldo Locatelli, será retirada do altar central e levada para a lateral da nave da igreja, onde permanecerá por um período sendo restaurada | Foto: Luca Pedruzzi
A Igreja Nossa Senhora de Lourdes, que fica no bairro Azenha, em Porto Alegre, abriga significativas obras artísticas. Mas com o passar do tempo, a situação de conservação das pinturas se agravou visivelmente, o que demanda uma imediata intervenção de restauro. Após preparação e faceamento, a tela “A Aparição da Virgem” (óleo s/ tela, 1962), de Aldo Locatelli, será retirada do altar central da paróquia e levada para a lateral direita da nave da igreja, onde permanecerá por um período sendo restaurada. O seu deslocamento é necessário, pois o bastidor de metal que a sustenta precisa ser substituído por um de madeira. A ação está agendada para a próxima terça, dia 23 de fevereiro.
Está prevista, ainda, a recuperação de uma segunda tela de Aldo Locatelli “Sagrado Coração de Jesus” e “São José”, de autoria do artista espanhol José Riera Sicart. As duas pinturas de Aldo Locatelli (1915-1962) foram tombadas pelo município de Porto Alegre levando em conta a importância do trabalho do artista no estado gaúcho e das técnicas por ele utilizadas. Imprescindível mencionar que foram as últimas produzidas pelo artista ítalo-brasileiro antes de sua morte.
A atuação da equipe responsável pelo restauro, formada por Leila Sudbrak na supervisão geral do trabalho das restauradoras Maria Cristina Ferrony e Vivian Lockmann, é baseada nos princípios internacionais que regulamentam a restauração de bens culturais, dentro do padrão de conservação museológica, de patrimônio da humanidade, preconizados pelo Conselho Internacional de Museus. O projeto patrimonial tem patrocínio da Sulgás e Medlive, por meio do financiamento do Pró-Cultura do Governo do Estado do RS.
A iniciativa é realizada pela Mitra da Arquidiocese de Porto Alegre, sob a coordenação geral da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes e o acompanhamento da Cúria Metropolitana de Porto Alegre.

Para viabilizar a restauração das outras duas obras, empresas podem aderir ao projeto, contatando a captadora Jac Sanchotene .

2020

2019

Blog do Gasparotto: Entusiasmo pelo Centro Histórico

49895805_10210572649271338_1358555944509767680_n

https://www.paulogasparotto.com.br/…/Entusiasmo-pelo-Centro….2

2015

19 de Março – Décio Azevedo

Centro Histórico

Jac Sanchotene organizou brindes em torno de Betse de Paula, que esteve na cidade para o lançamento de seu documentário “Revelando Sebastião Salgado”, na Usina do Gasômetro. A diretora carioca manifestou sua alegria pela receptividade do seu documentário junto aos gaúchos.

2013 – Coluna do jornalista Décio Azevedo

Centro Histórico http://www.decioazevedo.com/
Centro Histórico. http://www.decioazevedo.com/

Jacqueline Sanchotene não deixou por menos e convocou a chef Guadalupe Dias e Rafa Backbone para pilotar o almoço de domingo em sua morada, localizada a poucos metros da Usina do Gasômetro. Para receber os casais do grupo por ela denominado de “Parconáveis”, dos bons tempos do Parcão, Jac pediu tábua de frios com barquetes de caponata, de entrada, mais ceviche e risotos de funghi e de moranga com lingüinha. Nos brindes de espumante, Graziella Corbellini Gadia, recém chegada dos EUA, Elizabeth Linhares Torelly, Fernanda Farias, Lia Araujo Duarte, Ivete Weber e Maria Gondim, vinda do Rio.

26 de Agosto – Coluna do jornalista Décio Azevedo

1234586_607320692651646_1943238264_n

“Circuito – Jornalista Rejane Martins foi o centro das atenções de jantar no Lorita pela sua mudança de idade. Jac Sanchotene, Roger Leirina, Adriana Martorano, Márcio Pinheiro, entre muitos outros, saborearam da sopa preparada pela chef Roberta Horn Gomes”

ZERO HORA

Segundo Caderno

2012

21 Dezembro

Felipe Vieira 21.12.12 - Notícias - Projetos Culturais
Imagem
Imagem
Affonso Ritter aritter@via-rs.net Observador

Notícia da edição impressa de 15/02/2012 – Projeto do conto de fadas inclusivo

O Grupo Savar está apoiando através da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura o projeto “Era uma vez um Conto de Fadas Inclusivo”, que consiste em uma coleção de 11 livros com textos e ilustrações inspirados em contos infantis. Seu diferencial é que os personagens principais apresentam algum tipo de deficiência e vêm preencher uma lacuna existente desde que alunos com algum tipo de deficiência passaram a frequentar salas de aula com não deficientes. O projeto foi desenvolvido por Cristiano Refosco, Cult Projetos Culturais e Leandro Selister, e a negociação pela captadora cultural Jacqueline Sanchotene. Seu lançamento será em agosto deste ano em Porto Alegre.

 ZH – Coluna ByN9VE /Cláudia Ioschpe

2011

logo_coletiva
Artigos | 19/12

Hoje é nosso aniversário de cinco anos!

por Jacqueline Sanchotene *

Nós não tínhamos a menor ideia de tudo que viria após nossa primeira manifestação em 16 de dezembro de 2006. Naquela manhã de sábado nos reunimos para protestar em torno do lixo acumulado na Praça Júlio Mesquita. Cinco anos depois lutamos para efetivar nossa principal conquista até o momento: a criação de um Parque no Gasômetro. O parque deverá unir as praças Júlio Mesquita com a Brigadeiro Sampaio a beira do Guaíba. Nossa conquista está no Plano Diretor de nossa cidade e agora foi “incorporado” pelo projeto Cais Mauá, o que nos enche de alegria, pois isto significa que o empreendedor deste projeto assumirá o custo da efetiva criação do Parque do Gasômetro.

Tivemos também derrotas, mas estas foram ínfimas.

A comemoração de aniversário srá um pouquinho atrasada. Será, no dia 21 de dezembro, às 19h, no Centro Cultural CEEE Erico Veríssimo, ocasião em que entregaremos o Troféu Viva Gasômetro a cinco personalidades/parceiros do movimento. São elas:

– Prefeito José Fortunati, por ter sancionado a emenda que cria o Parque do Gasômetro no Plano Diretor;

– Nilza Lessa, nossa grande apoiadora e nossa musa;

– Escola Porto Alegre/EPA, pela parceria nos eventos culturais do terceiros sábados e por nos alertar para uma de nossas principais lutas pelo tombamento da Usina de Gás Carbonado, a verdadeira Usina do Gasômetro;

– Vila Chocolatão, por ter sido parceira das atividades culturais desenvolvidas;

– Jornal do Centro, pelo efetivo apoio que presta ao movimento divulgando as ações desenvolvidas e pelo espaço cedido para a coluna do Viva Gasômetro;

O troféu Viva Gasômetro é uma peça exclusiva desenvolvida pela artista plástica Adriana Xaplin. Toda a comunidade está convidada para o evento.

Ainda tem mais em dezembro! Dia 22, às 16h, ocuparemos o Período de Comunicações Temáticas da Câmara Municipal de Porto Alegre por aproximadamente 50 minutos, pedindo pela efetiva criação do Parque do Gasômetro. Contamos com a presença de todos!

Ah, e “sempre” sábado, a partir das 18h, tem bolinho de chocolate na “sede oficial” do movimento, na calçada da Rua General Salustiano frente ao número 294.

Abraços a todos!

* Jacqueline Sanchotene é produtora de marketing cultural e dirige a associação Viva Gasômetro.

logo_coletiva

Case da revista Aplauso será apresentado por comunicadora

Jacqueline Sanchotene ministra palestras no final de semana em comemoração aos anos da Força Sindical

Com mais de 15 anos de experiência em captação de recursos para projetos culturais, Jacqueline Sanchotene participa, neste final de semana, das comemorações dos 20 anos da Força Sindical, em Bagé. A comunicadora irá ministrar palestra em que apresentará o case da revista Aplauso, projeto no qual está envolvida desde o começo de 2011.

Os encontros serão realizados neste sábado à tarde, na sede da Prefeitura Municipal. Já no domingo, 23, a partir das 14h, acontecerão shows na Praça Julio de Castilhos (Praça da Estação), com a presença de FatDuo, Sandro e Cícero, Euseiki Tudanssa, DiPop e Celinho e os Tchuco.

Terça-feira29 de Março de 2011

Jornal do Comércio – Notícia da edição impressa de 07/02/2011

Jornalista Danilo Ucha

Savar

A Savar vai patrocinar a elaboração de um livro e uma grande exposição das obras do artista gaúcho Britto Velho. O projeto é da Jac Sanchotene Marketing Cultural, com incentivo fiscal da Lei Rouanet.

Jacqueline Sanchotene produz livro sobre Britto Velho

Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011

Projeto inclui também a realização de exposição de obras do artista gaúcho

“O ano mal começou e já temos motivos para comemorar”, disse Jaqueline Sanchotene, diretora da Jac Sanchotene Marketing Cultural. Sua empresa conseguiu viabilizar a execução do projeto Britto Velho 2011, que será patrocinado pela Savar, que pela primeira vez investe na área cultural. O projeto consiste na produção de um livro e na realização de uma exposição com obras inéditas do artista na La Photo Galeria e Espaço Cultural, localizada na Travessa da Paz, 44.

Britto Velho é um consagrado artista gaúcho, com exposições em São Paulo, Montevidéu, Zurich, Lisboa e Washington. Também participou de mostras coletivas, como a Bienal Nacional de São Paulo e o Panorama da Arte Atual Brasileira, entre outras. O projeto conta com o incentivo fiscal proporcionado pela Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), que permite o abatimento de 100% do valor investido no Imposto de Renda.

Sexta-feira 28/01/2011

14:44 – Um livro sobre Britto Velho

Jac Sanchotene Marketing Cultural conseguiu viabilizar, por meio de sua diretora, Jacqueline Sanchotene, o projeto Britto Velho

2009

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes) – Correio do Povo, 23 de abril

Vida Social (Eduardo Bins Ely) – Jornal do Comércio, 15 de janeiro

2008

Opinião (Christian Goldschmidt) – Correio do Povo, 18 de dezembro

Vida Social (Eduardo Bins Ely) – Jornal do Comércio, 27 de junho

Opinião – Jornal do Centro, 5 a 20 de junho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes) – Correio do Povo, 31 de maio

Centro Seguro – Jornal do Centro, 5 a 20 de março

Empresas & Negócios: Responsabilidade Social – Jornal do Comércio, 3 de março (parte 2)

Empresas & Negócios: Responsabilidade Social – Jornal do Comércio, 3 de março (parte 1)

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes) – Correio do Povo, 6 de janeiro

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 5 de janeiro

2007

Opinião (Christian Goldschmidt) – Correio do Povo, 12 de dezembro

Painel Econômico – Jornal do Comércio, 10 de dezembro

Jornal Já – Bom Fim/Moinhos, dezembro

Correio do Povo, 15 de outubro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 13 de outubro

Caderno Empregos, Zero Hora, 5 de agosto

Variedades, Correio do Povo, 20 de maio

Coluna Panorama, Jornal do Comércio, 7 de maio

Coluna Panorama, Jornal do Comércio, 18 de abril

Coluna Fernando Albrecht, Jornal do Comércio, 9 de abril

Variedades, Correio do Povo, 8 de abril

Revista Moinhos, 4 de março

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 19 de fevereiro

2006

Folder do Festival de Gramado

Coletivanet, 22 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 17 de dezembro

Coletivanet, 15 de agosto

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 2 de agosto

Palavra do Leitor, Jornal do Comércio, 14 de março

2005

ABCCC Crioulo, julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 1º de julho

Variedades, Correio do Povo, 25 de junho

Informativo FIERGS, 19 de maio

2004

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 27 de dezembro

Coluna Empresas e Negócios, Jornal do Comércio, 20 de dezembro

Economia, Jornal do Comércio, 6 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 6 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, setembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 11 de maio

O Gaúcho/SESI, abril

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 2 de março

Coluna Mercado, A Platéia, 8 e 9 de fevereiro

2003

Coluna Observador (Affonso Ritter), Jornal do Comércio, 22 de dezembro

Coluna Observador (Affonso Ritter), Jornal do Comércio, 2 de setembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 2 de setembro

Destaque RS, Correio do Povo, 2 de setembro

Nossa Gente, setembro/outubro

Coluna do Gasparetto, O Sul, 27 de agosto

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 2 de julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 13 de maio

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 12 de maio

2002

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 9 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 1º de outubro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 10 de setembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 19 de agosto

Correio do Povo, 14 de agosto

Nossa Gente, janeiro/fevereiro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 18 de janeiro

2001

Espaço Empresarial – Teatro do SESI

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 17 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 4 de dezembro

Segundo Caderno (Contracapa), Zero Hora, 22 de outubro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 10 de outubro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 2 de setembro

Caras – Festival de Gramado, 17 de agosto

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 13 de julho

Segundo Caderno (Contracapa), Zero Hora, 11 de julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 18 de maio

Meio e Mensagem, 26 de fevereiro

2000

Gazeta Mercantil, 27 de novembro

Economia, Zero Hora, 14 de novembro

Gazeta Mercantil, 14 e 15 de novembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 14 de novembro

Red 32, julho

ABC Domingo, 4 de junho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 23 de maio

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 9 de maio

Red 32, maio

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 27 de abril

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 14 de fevereiro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 8 de fevereiro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 13 de janeiro

1999

Panorama, Jornal do Comércio, 23 de dezembro

Rádio FM Cultura, 22 de dezembro

TVE-RS, 21 de dezembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 26 de novembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 25 de outubro

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 24 de setembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 31 de agosto

Economia, Zero Hora, 13 de agosto

Rádio Band AM, 11 de agosto

Jornal do Comércio, 9 de agosto

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 21 de julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 13 de julho

TV Cultura, julho

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 9 de junho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 24 de maio

Artigo de Jac Sanchotene no Jornal NH, 20 de março

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 1º de março

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 8 de janeiro

1998

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 8 de dezembro

Revista Amanhã, dezembro

Coluna Pessoas, Gazeta Mercantil, 6 a 8 de novembro

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 6 de outubro

Gazeta Mercantil, 2 a 4 de outubro

Gazeta Mercantil, 29 de setembro

Informativo FIERGS, setembro

Coluna Informe Econômico, Zero Hora, 31 de agosto

Caderno Seu Bolso, Jornal do Brasil (Rio de Janeiro), 30 de agosto

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 21 de agosto

Zero Hora (Captação com Lojas Renner), 8 de agosto

Captação com Lojas Renner, 6 de agosto

Informativo FIERGS, agosto

Coluna Movimento Econômico, Jornal do Comércio, 20 de julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 20 de julho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 10 de julho

Revista Marketing, julho

Página 3, Jornal do Comércio, 4 de junho

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 4 de junho

Coluna do Gasparotto, Zero Hora, 2 de junho

Coluna Agenda Econômica, Zero Hora, 2 de junho

Gazeta Mercantil Sul, 2 de junho

Coluna Agenda Econômica, Zero Hora, 1º de junho

Coluna Ponto a Ponto, Zero Hora, 30 de maio

Variedades, Correio do Povo, 26 de abril

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 24 de abril

Coluna Panorama Econômico (Denise Nunes), Correio do Povo, 22 de abril

Caderno Gestão, Jornal do Comércio, 8 de abril

Segundo Caderno, Zero Hora, 4 de abril

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s